26/02/12

A verdadeira beleza da mulher...


A verdadeira beleza da mulher,
Aquela beleza que perdura,
É sem duvida, a da mulher madura...
Pois é a mulher que sabe o que quer...
Já viveu amores
Já teve alegrias, já sofreu dores...
Por ser experiente
Torna-se exigente

Não quer sofrer novamente
Não se deixa levar por um repente
Quer saber-se amada,
Quer ser bem conquistada.
Ainda que seja um amor de momento
Que talvez, vire um tormento
Tem que ser sincero

Tem que haver sentimento
Mesmo que não perdure,
Que seja eterno enquanto dure.
Não quer aquele amor apressado
Tem que ser controlado
O antes, em preliminares, bem demorado
O durante... Que seja delirante
O depois, que dure bastante
Nada daquilo de virar para o lado.

É frustrante...
Tem que ser com bastante carinho
Muito beijinho... Muito carinho
O antes, o durante e o depois.
Tem que ser com amor
Com bastante calor
Tem que saber amar

Para uma mulher madura conquistar...
Ela quer companhia... Com muita harmonia,
Quer vida compartilhada... É mulher actuante
Ter seu espaço respeitado.
Pois foi conquistado...
Quer amor... Quer carinho...
E também consideração...

Enfim... Quer ser tratada como mulher,
Que soube seu caminho escolher
Que sempre soube viver...
Quer apenas ter o direito de escolher
Como o fazer...

Quem tiver a felicidade de tê-la a seu lado,
Considere-se privilegiado
Pois foi por ela conquistado
É a melhor idade... É a idade da razão...

É amor que faz bem ao coração.
É aquele amadurecimento,
Que aprimora o sentimento
Saibam conservar o amor.
o carinho da mulher madura...
Porque este sim fica...
E perdura.

2 comentários: