26/01/17

GIGANTES E ANÕES




Donde vimos para onde vamos
o que somos pouco importa
importa se na passagem
algo de bom semeamos
durante a nossa viagem


Escondemos sentimentos
guardamos dentro de nós
alguns sonhos pertinentes
que se fossemos diferentes
ganhariam corpo e voz


Julgamos ser importantes
mas em tantas ocasiões
somos medrosos distantes
deixamos de ser gigantes
somos apenas anões


Precisamos uns dos outros
todos nós somos iguais
neste mundo de loucos
mesmo juntos somos poucos
e o mundo grande demais

Alice Queiroz

Sem comentários:

Enviar um comentário